Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Pilares do amar..

Quando meu mundo perdeu a luz, foi-me sol e me guias-te..
Quando as noites se esvaiam em escuridão, foi-me lua e iluminaste-me..
Tornou-se o bom, quando tudo se mostrava ser ruim..
Quando a guerra se instalava, logo então chegaste como paz..
Em meio a noite frigidas e geladas, foi-me coberta e me aqueceu..
O oásis em meio ao meu deserto.. A calma em meio às turbulências de minhas viagens..
Deste-me destino em meio a caminhadas sem rumo..
Nasceu como flor em meu jardim de espinhos..
Fez transbordar  esperança em mim, quando nela eu não mais acreditava..
O sonho inesquecível, quando eu não mais sabia sonhar..
Salvaste-me quando eu estava a me afogar em dor..
Me ensinou o amor, quando eu desconhecia o que era amar..
Não é preciso dizer, mas não vou parar de falar você foi capaz de me transformar, curou, sarou, cuidou e lavrou o meu coração.. E com isso escreveste seu nome nele, o meu ser tomou você como única e exclusiva dona, minha alma só corresponde aos chamados da tua, o meu corpo se movimenta mediante ao teu ritmo, o meu falar só se rende ao completar o teu..
Em meio a jugos e pesares, você se mostrou ser solução, para o mal contido no meu coração.
Enquanto o amor era “tabu” no meu viver, no seu era a fonte do viver, guiaste-me por esse caminho, alinhou meu coração, que fora da calma, se partia de solidão enganado pela desilusão, partilhaste teus sentimentos bons e vinculou a mim tua emoção..
Sem temer se eu podia ou não magoar teu coração; Eu plebeu e tu como princesa, de orbitas diferentes nos nascemos, de mundo diferentes viemos e hoje partilhamos o mesmo castelo erguido em nossa própria galáxia. Hoje vivemos da pureza de nosso amor, da irreverência de nossos sonhos, da destreza de nosso destino e da sutileza de nossos corações que imersos em amor nós proporcionam o valor do amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário